CC - 2016 - por Habitação e Cidade | Edinardo Lucas

RESUMO

O presente artigo trata de discutir os espaços públicos a partir da mediação digital, levando em consideração características de colaboração e auto-organização. Propõe a revisão de conceitos relacionados ao caráter híbrido dos espaços a partir das instâncias físicas e digitais e aborda possíveis camadas de informação a serem adicionadas nas relações estabelecidas entre público e espaço urbano. Apresenta também um estudo de caso, o Sarau Cidade em Grave, realizado em junho de 2015 em Campo Grande, Mato Grosso do Sul, Brasil.

 

Originalmente publicado na Revista Políticas públicas e cidades

Please reload