• Arthur Cabral

Maquinações de natureza em episódios urbanos

Esta semana o portal habitaracidade.com traz à biblioteca "Maquinações de natureza em episódios urbanos", artigo de Pedro Dultra Britto e Carolina Ferreira Fonseca publicado na Revista Urbana (UNICAMP). A discussão entre hegemonias e resistências, prementes nas interações de cidade e natureza, parte da análise de episódios urbanos contextualizados em cidades distintas e assume o pensamento de Baudrillard, Acserald, Deleuze e Guattari como balizas para a abordagem de práticas urbanas associadas ao natural. Boa leitura!


"O artigo aborda maquinações entre natureza e cidade a partir das políticas de subjetivação contemporâneas analisadas com enfoque nas interações entre hegemonias e resistências. Explora interações e rupturas entre hegemonia e resistência através da contextualização de situações contributivas para a reflexão do urbanismo sob a ótica da paisagem, das visibilidades, da política e dos afetos citadinos. Tais interações desdobram-se de três episódios contextualizados nas cidades de Salvador, Recife e Rio de Janeiro: 1) Desaparecimento e morte dos rios; 2) Um lugar ao sol na natureza urbana: territorialidades e paisagem; e 3) Pesca artesanal e paisagem: territorialidades de memória e apagamentos. Os episódios

articulam sentidos de “hiper-realidade” (BAUDRILLARD, 1991); “maquínico” (DELEUZE e GUATTARI, 2007); e “justificativas ambientais” (ACSELRAD, 2010), entre outros, assumindo diferentes configurações para práticas urbanas relacionadas com a natureza. A abordagem pelo viés da subjetivação instaura campos de forças tensionados, denominados de natureza celibatária."


Acesse o trabalho completo em habitaracidade.com/biblioteca