Coletivo de Ações Poéticas Urbanas

Narrativas e memórias poéticas:

experiências em tempos de pandemia

CAPU – Coletivo de Ações Poéticas Urbanas

 

 

Em março de 2020, quando a pandemia de Covid-19 paralisou os encontros presenciais do CAPU, tínhamos acabado de fechar o cronograma das nossas atividades para esse ano. Decidimos esperar um mês para tudo voltar ao que era antes. O mês passou e, percebendo que a pandemia não iria embora tão cedo, resolvemos abandonar nossos planos iniciais e ver se era possível continuar nosso trabalho remotamente. 

Se, para cumprir os protocolos de segurança contra o novo coronavírus era necessário ficarmos em casa, mantendo o distanciamento social, a ocupação do espaço público com ações poéticas urbanas que preveem a relação entre as pessoas na cidade tornou-se inviável. Dessa forma, tínhamos duas opções: paralisar nossas atividades até a chegada da vacina ou reinventar o nosso trabalho, levando em conta o contexto em que estavamos vivendo. Decidimos ir pelo segundo caminho.

Os encontros virtuais nos apresentaram uma maneira de lidar com o tempo e com o espaço que não conhecíamos ainda. Cada integrante do CAPU, em sua casa, com todas as dificuldades e demandas que apareceram nesses últimos meses, foi se adaptando à essa realidade que preferíamos não ter conhecido.

Dentre as diversas tarefas que fizemos em 2020, a produção dos vídeos apresentados em “Narrativas e memórias poéticas: experiências em tempos de pandemia” foi uma tentativa de não  interromper nossos processos criativos. Mesmo realizando trabalhos individuais ou em dupla, e com poucas colaborações presenciais, estar em coletivo durante nossas reuniões virtuais de quinta-feira, à tarde, foi fundamental para discutirmos, em grupo, o fazer poético em tempos pandêmicos.

É importante destacar que essa exposição foi premiada pelo Edital de Chamamento Público n° 002/2020 Lei Aldir Blanc da Cidade de Goiás.

 

Convidamos vocês a conhecer os cinco vídeos produzidos, em que utilizamos o cotidianos para construir nossas poéticas a partir das experiências vividas nesse ano atípico.

Goiás/GO

Dezembro de 2020

 

Exposição virtual

(Clique título para ver a obra)

 

 

A CASA 39

Victória Regina Brasiliano

ANGELUS

Emilliano Freitas

O CÉU QUE (NÃO) VEJO 

Thiago Lopes


O PÃO

Italo Ribeiro

O VENTO QUE FAZ BRILHAR NOSSAS DORES

Jana Cândida Castro dos Santos

Ana Vitória Freitas da Silva

Catálogo virtual

(Clique aqui para acessar o catálogo)

 

Essa exposição foi premiada pela Lei de Emergência Cultural Aldir Blanc, 2020, Goiás/GO.